Mostrando postagens com marcador Audiovisual. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Audiovisual. Mostrar todas as postagens

[Personagem da Vez] Magnus Bane


Vamos ser sinceros, com a chegada do Dia das Bruxas, é impossível não pensar nos personagens repletos de mágica que nos encantam não é mesmo? E como nesse post vamos falar de um personagem que aparece em livros, séries e filmes, oss gifs vão mesclar cenas dos dois atores que trouxeram ele para o mundo real.

Magnus Bane por Godfery Gao
Magnus Bane é um personagem da série de livros Os Instrumentos Mortais de Cassandra Clare, foi representado por Godfrey Gao no filme Os Instrumentos Mortais: Cidade dos Ossos de 2013 e por Harry Shum Jr na série Shadowhunters produzida pela Netflix em 2016.

Magnus também é conhecido como o Alto Feiticeiro do Brooklyn, embora tenha aparência de 20 anos, ele já viveu mais de quatro séculos, o que fez dele uma pessoa sábia e cuidadosa com os outros, sua vida está frequentemente entrelaçada à dos Caçadores de Sombras e Seres do Submundo.

Magnus Bane por Harry Shum Jr
Magnus com uma aparência comum exceto por seus olhos, é filho do Príncipe do Inferno Asmodeus e de uma mulher de descendência holandesa e indonesiana.

Magnus foi criado em uma fazenda por sua mãe e o marido dela, e com isso ele sempre teve muito amor em sua vida, até o momento em que a marca de feiticeiro de Magnus se desenvolveu o que fez ambos terem medo dele, não demorou muito tempo para que sua mãe fosse encontrada no celeiro, e aos 10 anos Magnus sobreviveu a uma tentativa de assassinato feita por seu próprio padrasto, mas ao invés do feiticeiro morrer afogado como o homem esperava, ele sim foi queimado.

Depois disso Magnus foi criado pelos Irmãos do Silêncio em Madrid, a partir dessa época ele ajudou algumas pessoas e com isso acabou fazendo grandes amigos para toda sua vida.

Não se sabe ao certo quando e como Magnus tomou conhecimento sobre quem era seu pai, mas depois de descobrir quem era não demorou muito para que o feiticeiro - sabendo da influência do pai - usasse seu poder para o próprio bem.

Por ter uma incrível habilidade e poder, não demorou muito tempo para que Magnus começasse a cobrar por seus feitiços - mesmo antes de se tornar um feiticeiro totalmente desenvolvido.

Antes mesmo dos 20 anos ele começou a mentir sobre sua idade, afirmando já ter vivido centenas de anos e tendo conhecido grandes figuras históricas, desde imperadores até oráculos, para conseguir uma maior confiança de seus clientes.

Mesmo sendo um ser imortal, Magnus já se apaixonou por um humano, e viveu ao lado dessa pessoa durante toda a sua vida humana e mesmo após 30 anos da morte dessa pessoa ele ainda sofria, não que tenha superado a dor, mas ela passou a ser considerada tolerável.

Com isso é fácil perceber que Magnus por vezes estava viajando por alguma parte do mundo, incapaz de parar em algum lugar, em conversa com uma amiga feiticeira ele comentou sobre essa perda e ouviu a feiticeira lhe confessar que o primeiro amor é sempre o mais difícil de superar.

Magnus mantém a sua aparência desde os 19 anos, é descrito como muito alto e magro, com pele marrom com braços levemente musculosos e uma polegada mais alto que Alec, não possui umbigo.

Ainda é notado como tendo uma aparência um pouco asiática por seus olhos - que são descrito como verdes, mas a sua marca de feiticeiro também é nos olhos, eles ficam como olhos de gato verde-amarelados com pupilas verticais - um pouco puxados.


Dono de cabelos negros que normalmente estão espetados, mas isso já mudou muito ao longo dos séculos - variando de reto e no comprimento do ombro, até curto e espetado - brilhantes e coloridos, usa todos os tipos de maquiagem, como brilho ao redor dos olhos, batom e esmalte.

Ele gosta de exibir sua sexualidade, vestindo calças de couro de arco-íris e outros acessórios chamativos - como um turbante azul e brilhante - por conta dessas roupas extravagantes e chamativas, é visto por algumas pessoas como estranho e único.

Já tem um livro que foi escrito sobre o personagem, e sejamos sinceros, é bem interessante, vale a pena...


[Personagem da Vez] Harry Potter


Se tem uma coisa que nunca vai mudar é o fato de sempre acabarmos nos apegando de alguma forma a um personagem - seja ele de livro, filme ou série - como o dia das bruxas está chegando não poderíamos deixar de falar do bruxo que conquistou gerações e sejamos sinceros, você também queria que tivesse chegado uma carta de Hogwarts para você. Afinal, quem nunca quis pegarr o expresso, jogar quadribol, se encantar com os banquetes do castelo, comer feijõezinhos de todos os sabores e sapode de chocolate? Tudo bem que algumas dessas coisas podem ser feitas hoje em dia, mas ainda sim, falta um pouco de mágica nisso não é mesmo?

Um olhar geral sobre o personagem

Harry Potter, é um personagem da saga que leva o mesmo nome, ele é fruto do casamento de dois outros bruxos Lily Evans e James Potter, tendo nascido no dia 31 de Julho de 1980 em Godric's Hollow, sendo também um dos bruxos mais famosos de todos os tempos. Os pais de Harry foram assassinados por Lord Voldemot quando ele ainda era um bebê, mas ele sobreviveu, se tornando famoso no mundo bruxo por ser a única pessoa a sobreviver a maldição imperdoável da morte.

Com a morte dos pais e tendo sobrevivido à maldição não seria difícil encontrar alguém que quisesse cuidar de Harry, mas ele iria crescer em um mundo onde todos sabiam sua história melhor do que ele mesmo, por isso ele foi morar com sua tia Petúnia, o marido e o filho. Mas morar na casa de outras pessoas não é algo fácil mesmo que seja da família, Harry nunca foi tratado como parte da família, era como um peso para os Dursley, mas Harry cresceu sem nem mesmo imaginar que existia um mundo bruxo, até os seus 11 anos quando tudo em sua vida mudou.

Como ele realmente parece

Todo mundo que assistiu o filme vai se lembrar de Daniel Radcliffe, o ator que deu vida ao personagem das telonas e que acompanhamos crescer no decorrer dos filmes.

Mas as descrição que temos de Harry nos livros é de um garoto magro, dono de olhos verdes - característica herdada da mãe -, cabelos negros e constantemente bagunçados, dono de uma cicatriz em forma de raio na testa - única marca do que de fato aconteceu quando os pais morreram -, no decorrer temos uma descrição rápida de como Harry se desenvolveu durante a adolescência.

A infâcia complicada

Quando Harry foi deixado à casa dos Dursley, não havia muita coisa, só uma carta que explicava o que havia acontecido e dizia que eles deveriam cuidar do garoto até que ele completasse 17 anos. A vida de Harry nos 11 anos que se seguiram não foi nada fácil, os Dursleys sempre tiveram ódio a qualquer tipo de anormalidade - principalmente a magia - decidindo que apagariam qualquer vestígio de magia de Harry, por isso todas as vezes que o garoto comentava que algo estranho havia acontecido com ele, o garoto era chamado de louco.

Os primeiros 11 anos de vida de Harry foram bem tristes e humilhantes, enquanto a vida do primo era repleta de mimos. Harry dormia em um armário debaixo da escada, vestia roupas velhas e enormes - que não cabiam mais em seu primo - e tinha que lhe dar com a indiferença e vergonha dos tios, sempre que alguma visita importante Harry era obrigado a ficar dentro do armário.

Enquanto Duda recebia mimos e presentes dos pais, Harry tinha que aguentar castigos injustificáveis e desumanos, como ficar sem se alimentar por dias. Quando veio a primeira carta endereçada a Harry os Dursley procuraram de toda forma esconder e destruir aqui, mas as carta continuavam a vir, oq ue fez com que eles saíssem de casa e se isolassem em uma ilha no meio do mar, mas que não serviu para impedir Hadrig de chegar a Harry e lhe contar a verdade, e mesmo sobre protestos e a negação do tio, Harry foi para seu mundo e veio a descobrir que mesmo não tendo os pais presentes, eles haviam pensado em seu futuro e lhe deixado uma boa quantidade em dinheiro.


O aluno Harry Potter

Harry Potter foi aluno de Hogwarts nos anos de 1991 a 1997, pertenceu a Grifinória, e foi um bom aluno de forma geral, ams mostrou uma enorma habilidade para o Quadribol desde o seu primeiro ano, se tornando o apanhador - mesma posição em que James jogava - mais jovem da história do esporte.

Desde o seu primeiro ano em Hogwarts, Harry teve alguns problemas, por vezes ele e seus amigos acabavam envolvidos em todas as confusões que aconteciam na escola, mas sejamos sinceros, não que eles procurassem a confusão, mas pareciam ser um grande atratido para tudo que acontece de errado.

A pior matéria de Harry por muito tempo pareceu ser Poções, talvez não pela matéria em si, mas por não se dar muito bem com o professor, em contra-partida Harry se mostrava um ótimo aluno em Defesa Contra as Artes das Trevas.


[Personagem da Vez] Timmy Turner



Vamos ser bem sinceros, é fácil querer ter dois padrinhos mágicos assim como o Timmy, afinal, quem não ia querer ter os desejos realizados, mesmo que fossem aqueles mais simples e bobos? Tudo isso em troca de seguir algumas regras?

Mas vamos lá, Timothy Tiberius Turner, também conhecido como Timmy, é um garoto de  anos e uma imaginação enorme, é o personagem principal, junto com seus padrinhos mágicos Cosmo e Wanda, do desenho Os Padrinhos Mágicos .

Os pais de Timmy são bem negligentes com o filho e não se preocupam em deixá-lo aos cuidados de uma babá com frequência para que eles possam sair.

A convicência frequênte com Vicky como sua babá, fez com que Timmy fosse caracterizado como uma criança medíocre e incompreendida, como Vicky fazia com que ele se sentisse miserável, Timmy receber padrinhos mágicos, fazendo de sua vida uma grande aventura.

Timmy é ótimo em videogame, principalmente em Crash Nebula. Está longe de ser um aluno exemplar - frequentemente ele recebe uma nota F -, ele preferia muito mais estar envolvido em alguma aventura e se divertindo, e Cosmo o apoiaria sem dúvida, ainda bem que ele tem Wanda para lembrá-lo de suas responsabilidades, mesmo que muitas vezes ele não a ouça.

Timmy possui cabelos castanhos e olhos azuis, sempre está usando uma calça azul, além de uma camisa e boné cor de rosa, porque seus pais achavam que ele seria uma menina.

Na escola, Timmy não é popular, é apaixonado por Trixie Tang, mas ela o despreza, Tootie é perdidamente apaixonada por Timmy, mas ele não possui nenhum interesse nela, ele não costuma ter muito contato com meninas, mas sempre tenta conquistar seu interesse amoroso, seu maior inimigo na escola é o valentão Francis.

Como já mencionado Timmy não é muito inteligente, como é possível perceber, e Crocker vive lhe dando nota baixa. Como visto no filme é fácil perceber que Timmy repetiu o 5º ano até os 23 anos de idade. Seus melhores amigos são A.J., SanJay, Elmer e Cheester.

Os nomes dos pais de Timmy nunca foram revelados nos desenhos, sempre são mencionados como 'mãe' e 'pai', as poucas vezes que o desenho deixou que fosse mencionado, os nomes foram censurados por um caminhão no momento exato em que o pai menciona o nome dele e da esposa.

Mesmo podendo realizar seus desejos - pedindo para Cosmo e Wanda - e podendo se vingar das pessoas que foram desagradáveis com ele durante toda sua vida, Timmy é um garoto bondoso e não o faz.


Top 7 Músicas para a Semana - Animações Clássicas da Disney

O post mais complicado de se fazer, afinal, como escolher só sete músicas da Disney? Isso é preticamente impossível, é cada música mais incrível do que a outra, com letras e melodias maravilhosas que muitas vezes encaixam em algum momento perfeito.


Mas vamos lá, como é difícil já conseguimos facilitar o nosso lado ao escolher que essas músicas serão das animações clássicas, ou seja, animações 2D. Mas vamos combinar que mesmo assim é muito filme e muita música pra escolher, mas não basta ser só divertida, vamos falar de músicas que tiveram algum ponto importante - para quem assistia - ou para o filme...


Estranhos como Eu - Tarzan (Domingo)

Essa música mostra que muitas vezes o desconhecido que ou as coisas diferentes podem simplesmente despertar a curiosidade de outras pessoas que passam a querer descobrir e coisas novas de pessoas diferentes desde a criação à cultura.
O Seu Melhor Amigo - O Cão e a Raposa (Segunda)

A música já mostra que você pode se dar muito bem com uma pessoa apesar de todas as diferenças, sem julgamentos - sejam de sua parte ou de outras pessoas - dois seres podem ser amigos e se apoiarem em qualquer situação.
Sentimentos - A Bela e a Fera (Terça)

A música que mostra a quebra de padrões, que não é exatamente a aparência física que determina se um casal vai dar certo ou não, que mesmo sendo muito diferentes duas pessoas podem se completar e faze com que eles se tornem mais belos aos olhos do outro.
Reflexão - Mulan (Quarta)

O titúlo da música já nos questiona que tipo de reflexão é essa? Mas se trata do momento em que Mulan não quer decepcionar sua família, mas sem se perder no meio desse caminho, não sendo domente quem os outros desejam que ela seja.
Bem Vindo - Irmão Urso (Quinta)

Nos mostra que apesar de você ser novo naquele meio, é muito bem vindo e será tratado como quem já está ali a muto tempo, como uma grande família que não importa muito se é parte da família por ser do mesmo sangue ou não.
Cores do Vento - Pocahontas (Sexta)

É a prova de que aqueles que são diferentes, tem um conhecimento próprio que podem nos surpreender, ao invés de simplesmente acreditar que aquele que é diferente é inferior a você.
Salve os Proscritos - O Corcunda de Notre Dame (Sábado)

Diferente do que muita gente pensa, essa música não se trata de Esmeralda pedindo ajuda, ela pede uma salvação para pessoas que simplesmente escolheram seguir uma outra religião. Mostrando que a questão maior ali é uma questão de intolerância religiosa.
E pra você, quais são suas músicas favoritas da Disney?


Top 7 Músicas para a Semana - Glee

É complicado você parar pra pensar em músicas para todas as semanas, afinal, temos que pensar em algo que gostamos de ficar ouvindo muitas vezes, mesmo que seja sem ficar assistindo a série mesmo.


Vamos combinar que o clube Glee fez regravações incríveis de músicas que a gente ama não é mesmo?! Não vamos dizer que adoramos todas, mas vamos ter que concordar que eles foram incríveis na maioria das músicas...

Vem relembrar algumas com a gente...


Born This Way (Domingo)

 

Teenage Dream (Segunda)


Smooth Criminal (Terça)


Barely Breathing (Quarta)


Telephone (Quinta)

 Cold Hearted (Sexta)


Don't Stop Believing (Sábado)


E você, tem alguma outra música de Glee que te marcou?


[Personagem da Vez] Merida


A Disney sempre cria as melhores princesas e personagens com as masi variadas histórias não é mesmo? E sejams sinceros, se te uma das princesas da Disney que não é cheia de frescuras com certeza essa é a Merida do filme Valente.

Merida é a personagem principal do filme Valente da Disney, lançado em 2012. Quem dá voz a essa personagem no filme original é Kelly McDonald, mas no Brasil essa responsabilidade fica para a Luisa Palomanes, já a trilha sonora, que é incrível não era pra menos, vem na voz de Manu Gavassi.

Merida tem 16 anos e é a princesa de DunBroch - um reino medieval nas Terras Altas escocesas - filha do Rei Fergus e da Rainha Elinor.

A Rainha tem grandes expectativas sobre sua filha, e tenta educá-la a fim de que se torne uma dama - como ela própria.

Mas não faz parte de Merida ficar sentada costurando e fazendo discursos, pelo contrário, a garota se sente muito mais a vontade praticando hipismo e arquearia.

Dona de uma personalidade forte, é fácil ver Merida expondo o seu ponto de vista e o que quer, por isso é comum ver um conflito entre a princesa e sua mãe.

Já a relação de Merida com o pai é bem mais tranquila, já que o Rei procura apoiar as duas sem que isso prive uma das partes de ser feliz.

Por outro lado, a princesa sempre pode contar com seus três irmãos - Hamish, Harris e Hubert - que aprontam as maiores travessuras pelo castelo em troca de doces.

Na tentativa de fazer sua mãe mudar de ideia a respeito de um casamento arranjado com algum outro clã, Merida acaba caindo no papo de uma bruxa que a engana, o que faz com que a princesa acabe transformando sua mãe em um urso, o que é bem perigoso já que um outro urso foi o responsável por arrancar a perna do rei e ele jurou vingança.

Cabe então à princesa a ir em uma corrida contra o tempo para reverter o feitiço e salvar sua mãe, antes que o rei e seus homens a encontrem, o que pode resultar em consequências muito piores do que um casamento.

Princesa Merida redesenhada
Tendo sido criada para acabar com a iddeia de "donzela em apuros", Merida foi feita apra se mostrar um ícone da força feminina em todo mundo.

A Princesa Merida é a décima primeira integrante da franquia Disney Princesas, e com isso aconteceram algumas mudanças para que a personagem de 'adequasse' à franquia.

O que causou muita polêmica entre os fãs da personagem, já que quando ela entrou na franquia a personagem precisou ser redesenhada, ganhando ares mais femininos, assim como um corpo e rosto mais finos.


Vem matar a saudade de uma das músicas do filme com a gente...



[TEASER] Cinquenta Tons de Liberdade

Resultado de imagem para Cinquenta Tons de Liberdade gif

Com estréia prevista para 8 de fevereiro de 2018, Cinquenta Tons de Liberdade promete abalar as estruturas tendo aquela pitada generosa de calor, ação e casamento.  

O diretor James Foley é o responsável pelos dois últimos filmes e é reconhecido por dirigir também a série House Of Cards, o retorista responsável é Niall Leonard marido da autora E.L. James.

Vamos aguardar para ver o desfecho desta história, enquanto o filme não vem podemos assistir o teaser e alimentar a ansiedade dos fãs.  



Top 7 Músicas para a Semana - Séries Musicais

Vamos concordar que o pessoal que está por trás da produção das nossas séries favoritas arrasam não é mesmo? Afinal, as séries por si só já são incríveis, sejam com as músicas de abertura ou nas cenas pós-creditos, mas dessa vez estamos aqui pra falar de séries musicais.


Elas além de nos encatar com as escolhas de canções no decorrer dos episódio ainda nos mostram como alguns atores são completamente talentosos e muitas vezes como eles se dariam super bem na carreira musical além da atuação.

E sejamos sinceros, isso é algo cultural, no Brasil, aqui estamos começando a ter séries incríveis também, mas nenhuma ao menos que eu me lembre, voltada para esse estilo musical que exige dos atores muito mais da atuação, ainda é preciso saber cantar e muitas vezes dançar... E tudo isso junto...

Here I Come - Smash (Domingo)

A série se desenvolve ao redor de um grupo de atores que se juntam para produzir um musical da Broadway sobre Marilyn Monroe. Mas, antes que isso aconteça, as pessoas que participarão do projeto, deverão lidar com suas vidas pessoais. A série contou com músicas originais composta por Marc Shaiman e Scott Wittman.
Powerfull - Empire (Segunda) 

Lucious é um rapper que saiu das ruas e prosperou na música. Dono da gravadora Empire, ele construiu um império no meio musical. Quando descobre ter uma grave doença, ele decide eleger um de seus três filhos - André, Jamal ou Hakeem - para ocupar o trono. Ao mesmo tempo, Cookie, sua afiada ex-esposa, retorna depois de passar 17 anos na prisão diposta a recuperar tudo que perdeu. Ao longo da história pe revelado que Lucious tem um passado sombrio do qual não pdoe fugir.
There But for the Grace of God Go I - The Get Down (Terça)

Ambientada em 1977 na cidade de Nova York, a série conta a história de como, à beira da ruína e da falência, a grande metrópole deu origem a um novo movimento musical no Bronx, focado nos jovens negros e de minorias que são marginalizados. Entre a ascenção do hip-hop e os últimos dias da Disco Music, a história se costura ao redor da vida dos moradores do Bronx e de sua relação com a arte, música, dança, latas de spray, política e Manhattan.
If I Didn''t Know Better - Nashville (Quarta)

Rayna é uma estrela da música country americana, cujo sucesso começa a declinar. Seus produtores oferecem a ela uma turnê conjunta com a estrela do momento Juliette, tida como o futuro da música country, jovem e sexy. Mas as duas cantoras estão em busca de alcançar seus objetivos separadamente. Juliette quer tomar o lugar de Rayna. Rayna acredita que algumas músicas escritas pela talentosa Scarlett O'Connor vai ajudá-la a reencontrar o sucesso.
Paradise by The Dashboard Light - Glee (Quinta)

O coral da McKinley High School costumava estar no topo do mundo dos corais, mas uma série de escândalos o transformou em um abrigo de estudantes desajeitados e rejeitados pelos 'populares'. Will, é um professor otimista, que se ofereceu para tomar a liderança do coral e restaurar sua antiga glória - para isso ele conta com a ajuda de Emma.
Concert in Mexico - Mozart in the Jungle (Sexta)

Sexo, drogas e... música clássica. Mozart in the Jungle retrata os bastidores do mundo dos grandes maestros, que pode ser tão cativante quanto o que acontece na frente das cortinas.
I Don't Like You - Galavant (Sábado)

A série segue as aventuras de Galavant, um herói arrojado cavaleiro baixo em sua sorte que está determinado a recuperar sua reputação e seu 'E Viveram Felizes para Sempre', indo após o malvado rei Richard, que arruinou o momento em que ele roubou o amor da vida de Galavant, Madalena. Ele é auxiliado pela Princesa Isabel, cujo reino de Valência, Richard conquistou, e Sid, seu escudeiro. Eqnuanto isso, o assassino, mas sem força de vontade Richard tenta conquistar a Madalena tramando.
Tem alguma outra música que vocês gostam bastante?


Os pais que se destacaram nas séries...

O dia dos pais está aí, e claro que a gente não podia deixar de lembrar daquelas figuras paternas que talvez tenham nos ensinado alguma lição importantte, ou nos deram tanto medo que ficamos felizes em não ser filhos deles, mas o importante é dizer que lembramos de vocês queridos pais.


Vamos combinar, existem aqueles pais que desde a sua primeira aparição nas séries, a gente cria um ódio quase instantâneo - e ficamos torcendo para que aquele personagem morra logo.

Mas também existem aqueles que estão ali para nos mostrar que nem todos eles são ruins e você bem que queria que ele fizesse parte da sua família.


Então vem ver alguns pais que se tornaram tão queridos que muita gente virou fã deles e queria fazer parte daquela família, mesmo que só por um dia.

15 - Phil Dunphy (Morden Family)

Ele é o principal modelo de pai 'legalzão' que parece ter a mesma idade mental que seu filho mais novo, sendo visto na maioria das vezes como um cara bobo e mole. Mas tudo o que ele faz  - quando acerta ou erra - é para o bem de sua família, e quando as coisas não dão muito certo ou algum dos filhos precisa levar uma bronca, ele sabe que sua mulher está ali fazer isso.
14 - Nathan Scott (One Tree Hill)

Além de pai e filho eles são bons amigos, Nathan é do tipo atencioso, carinhoso e responsável, está semrpe ao lado do filho cuidando para que nada de ruim aconteça com ele, sempre que possível está ao lado do garoto jogando basquete com ele, ou lhe ensinando valores - que não lhe foram ensinados quando criança - mas Nathan é o tipo de pai que conta histórias para o filho dormir e o consola quando está triste.
13 - David Nolan (Once Upon a Time)

Se tem uma coisa que parece não importar para David é o fato de ele ter aparentemente a mesma idade da filha, afinal, para ele não importa muito os anos perdidos por causa da maldição, ele sempre está disposto a enfrentar tudo e todos por sua 'pequena', e a idade próxima ainda deu a eles um grande presente, a amizade deles, seja para conselhos sobre como agira em situações de perigo ou até mesmo em situações amorosas. E vemos o quanto a maldição privou Emma de um pai protetor quando o pequeno Neal nasce.
12 - Rick Grimes (The Walking Dead)

Carl tem sorte de ter um pai tão dedicado, afinal, ele enfrentou muita coisa para encontrar o filho e a esposa, e não foram poucas as vezes que Rick o salvou e o ensinou a se virar em meio a um apocalipse zumbi. E não só com carl, Rick sempre tenta salvar o seu grupo que acabou se trnando uma grande família, e muitas vezes por causa das decisões tomadas por ele é que eles sobreviveram a muitos prigos e ordas de zumbis, por mais que tenha muitas vezes tenha tentado salvar muito mais gente - muitas vezes que nem mereciam ser salvas - o que nos mostra que mesmo em meio ao Caos, Rick continua tentando ser justo. Sofia não teve a mesma sorte...

11 - Sheriff Stilinski (Teen Wolf)
Além de proteger a cidade e os jovens e crianças de outros pais, o Sheriff Stilinski tem um senso de proteção único com seu filho problemático Stiles. Não que Stilles faça isso por querer, mas ele sempre está envolvido com problemas, ele atrai as coisas para si, ao menos é isso o que nós conseguimos ver com muita frequência, e não basta só tirar os filhos das enrascadas em que ele se mete, quando ficou sabendo de todo o mundo sobrenatural ele não deu pra trás ou fugiu, muito pelo contrário, só fico mais alerta - e muitas vezes entendendo melhor os crimes que aconteciam - afinal, não é porque seu filho anda com um lobisomem que ele é irresponsável, ou por que o outro é um lobisomeme que não precisa de uma proteção policial.
10 - Jonathan Kent (Smallville)

Ser pai de um jovem com poderes não deve ser nada fácil, mas Jonathan consegiu cumprir bem esse papel, além de guardar o segredo do filho - que muitas vezes não estava presente enquanto salvava o mundo - ele criou Clark com um grande senso de justiça, companherismo e compreensão, ajudando seu filho a tomar decisões que muitas vezes afetaria mais pessoas, afinal, ele sempre estava tentando salvar o mundo do mau.
9 - Derek Shepherd (Grey's Anatomy) 

Quem nunca se derreteu com esse pai amoroso que assim que adotou Zola já mudou completamente a sua forma de agir, e fez com que todos se derretessem junto com esse relacionamento super fofo, afinal, quem consegue não admirar um homem que colocava uma tiara de princesa pra brincar com sua filha enquanto ela servia chá? Até porque logo que ele conhece Zola, ele já sugere para Meredith que os dois deveriam adotar a garota, e o relacionamento dele com a pequena é uma amor, parece que de fato foram feitos um para o outro.

8 - Rufus Humphrey (Gossip Girl)

Rufus é o tipo de pai que faz o melhor para os seus filhos - ou tenta - mas deixa claro que diferente de muita gente da escola de seus filhos a condição financeira deles não é das melhores, mas nada os impede de serem felizes. Rufus está muito mais presente na vida dos filhos do que os pais ricos dos colegas de seus filhos, mas Rufus sempre lembrava os filhos que mesmo não tendo um poder aquisitivo alto, isso nãof azia deles menos do que os colegas. É o tipo de pai que está ali para dar bons conselhos e sábias broncasnos filhos.
7 - Sandy Cohen (The O.C.)

Ele é o tipo de pessoa que tem um coração enorme, afinal nao é qualquer um que tiraria Ryan da cadeia e o levaria para dentro de casa - adotando-o mais tarde. Mas logo de cara já vemos que Sandy é o tipo de pessoa que gosta de fazer o bem para os outro, ao levar o garoto pra casa ele lhe dá um lar e uma família, enquanto seu filho Seth ganha um novo irmão e sua esposa mais um filho. Ele sempre está bastante envolvido com seu trabalho, mas não mede esforços para fazer algo bom pela família e procura garantir  a seus filhos o melhor no sentido de escola e casa. É um cara compreensivo, mas que faz questão de demonstrar que o amor não lhe faz passar a mão na cabeça dos filhos e relevar erros, assim como toda atitude tem uma consequência.
6 - Joe West (The Flash)

Ele não tem uma ligação de parentescom com Barry, mas quando sua mãe é assassinada e seu pai preso, logo o detetive adota Barry e o leva para morar conm ele e sua filha Iris, é fácil entender como no início a relação deles é complicada, afinal o garoto está traumatizado de ter visto a mãe ser assassina, mas isso não faz com que Joe desista dele, pelo contrário, elecria o rapaz muito bem e ainda o ajuda a se tornar um cientista forense. Quando Barry descobre seus poderes, Joe é o primeiro a apoiá-lo, mas está ali para puxar a orelha quando as escolhas do garoto são bem erradas, ele é a figura paterna cúmplice para as aventuras e enrascadas, e não mede esforços  para proteger aqueles que ama.
5 - Burt Hummel (Glee)

Quem iria imaginar que o mecânico com cara de durão iria aceitar tão bem o seu filho assumir que era gay? Ele perdeu a mulher muito cedo, e com isso teve que ser pai e mãe para seu filho, e sempre soube da opção sexual dele, mesmo que eles nunca tivessem tocado no assunto abertamente. Ele torce pelo filho e o apoia em tudo mesmo quando é um pouco fora do convencional - como quando ele joga futebol americano ao som de Beyoncé -, é o tipo de pai que grita e defende os direitos do filho quando é atacado por ser homessexual, a maior prova disso é que ele junta todo o dinheiro que tem para pagar uma escola particular e livrar o filho do bullying. Ele reencontra o amor e se empenha em fazer esse novo relacionamento dar certo buscando não só a sua felicidade como também a do filho junto com essa nova família, ele ainda faz todos os fãs da série quase morrerem quando está em estado grave no hospital.
4 - Eddard Stark (Game of Thrones)

Ele sempre colocou o interesse dos filhos - incluindo do bastardo - em primeiro lugar,e sempre procurou ensinar a eles a serem leais a si mesmos e honrados. Ele sempre procurou fazer o que é certo, mas protegendo a sua família e os poupando de se envolverem nas grandes brigas do reino. Os Starks tiveram muita sorte de teres Eddard como pai, porque não são muitas as figuras paternas exemplares pesentes em Westeros.
3 - Mark Sloan (Grey's Anatomy)

Dos pais que vemos na série, ele talvez seja o que mais tenha mudado desde a sua primeira aparição, afinal, quem ia imaginar que aquele médico que adorava seduzir as mulheres - sem se importar se eram casadas ou não - iria ddecidir que queria formar uma família e mudar completamente? Em meio a tudo isso ele encontra sua primeira filha, mas ela já é adulta e ele acaba não podendo curtir muito ela, mas aí vem a pequena Sophia, fruto de uma amizade colorida com Callie, é nesse momento que vemos como Mark é umpaizão, atencioso, cuidadoso, respeitador, fofo e melindroso. Quem não ficou emocionado quando ele descobriu que ia se pai? E a quantidade de risadas quando ele teve que cuidar da pequena Sophia sozinho e isso incluía tudo - trocar fralda, dar banho, fazer comida, etc - é uma pena ele não ter acompanhado o crescimento da menina, mas com certeza ele teria sido um pai atencioso e ciumento.
2 - Julius (Todo Mundo Odeia o Chris)

Você não queria estar no lugar dele, afinal, o cara tem dois empregos e ainda precisa ficar aguentando as explosões de Rochelle e relevar quando ela simplesmente resolve largar um emprego. Quem nunca morreu de rir com ele falando o preço de cada coisa comprada na casa? Não que dinheiro seja algo que está sobrando para aquela família, mas ele sempre procura agradar sua família, mas com moderação. Ele é o tipo de pai que arranca risadas de todo mundo, e ele está disposto a defender seus filhos quando necessário. Claro que no meio da confusão que é a sua vida ele sempre consegue tirar um cochilo e nem pense em fazer algum barulho nesse momento.
1 - Richard Castle (Castle)

Sejamos sinceros, acho que não existe um exemplo melhor de paizão do que o Castle, tudo bem que ele é bem brincalhão e muitas vezes imprudente - e a Alexis muitas vezes parece ser a responsável por ele e não o contrário - mas quando algo acontece com sua família e o pai Castle entra em ação não deixa margem para dúvidas. Alexis é tão responsável que o pai dela por vezes tenta fazer com que ela se divirta mais, fique até tarde da noite na rua, tome alguns porres, e claro ele sempre tenta pegá-la despreparada dentro de casa em uma guerra de laser tag. Mas quando algo ameaça a segurança de sua filha, Castle está disposto a fazer o possível e o impossível para salvá-la, não importa valores ou quantas leis ele terá que burlar, tudo o que ele quer é a sua pequena - nem tão pequena - menina segura.
E aí, tem algum pai que esquecemos de falar?


OS SIMPSONS E SUAS PECULIARIDADES

Imagem relacionada

O primeiro episódio desta série foi ao ar no dia 17 de Dezembro de 1989, estreou como um desenho curto no The Tracy Ullman Show, a expectativa dos telespectadores era que por sua vez fosse algo parecido com Os Jetsons ou Os Flintstones isso por causa da sonoridade do nome, esta comparação foi logo quebrada por se tratar de um quadro familiar engraçado com o pai a mãe e os três filhos que sempre se metiam em aventuras em meio a criticas criativas com  o cotidiano, apresentando personagens amarelos que segundo ao criador da série Mett Groening em entrevista para BBC: “Um animador veio com a ideia dos Simpsons amarelos e assim que ele me mostrou eu disse: ‘Essa é a resposta!’ porque quando você está passando pelos canais com seu controle remoto, e um flash amarelo aparece, você saberá que está vendo Os Simpsons.”


Além disso a série acompanha diversas curiosidades como além do fato de serem amarelos terem a penas quatro dedos e o único personagem com os cinco ser -Deus. 



A família Bush não gostar muito do desenho onde o ex presidente George Buch uma vez criticou dizendo que Os Simpsons tinha culpa pelos problemas da sociedade, ponderando que as famílias Americanas deveriam ser menos como eles e mais como Os Waltons, Barbara Bush também registrou sua declaração dizendo que "Os Simpsons é a coisa mais idiota que eu já vi." Que mulher louca, pode assistir de novo, vocês não viram direito, ou os personagens que representou no desenho não os agradou. rs 

Resultado de imagem para gif Maggie simpson



Já reparou que logo na abertura quando a Maggie passa no caixa do supermercado ela possui um preço? Então, o que acontece que o valor de $847,63 em 1989 era o preço médio pago a uma pessoa para cuidar de um bebê por mês e este valor passou para $243,26 em 2009 mudando para $486,52 que era o preço cobrado para olhar a Maggie. 

Imagem relacionada


Aquela gemido que o Homer faz quando acontece algo desagradável, ela diz "D'oh!" é diferente em outros países, como na França que ele diz "T'oh!" e na Espanha que ele diz "Ooch!", esta frase foi adicionada no dicionario Inglês de Oxford em 2001, (apesar de ser soletrada “doh”, o que é dito ser a escolha de Groening). A palavra é definida como: “Expressão de frustração na realização de coisas que se tornaram ruins ou não como planejado, ou aquele que acabou de dizer ou fazer algo idiota. Também (usualmente moderadamente derrogatório): implicando que outra pessoa disse ou fez algo idiota.”

Resultado de imagem para gif bart simpson

Eu confesso que por ser fã da série me pego falando algumas falas no meu dia dia, como quando toda vez que o Homer vai apertar o pescoço do Bart ele diz: "Ah seu zé ruela" ou também quando o Bart diz: "Ai caramba!", são diversas falas que me acompanham, isso é coisa de fã?

Você se surpreende quando dizem que este desenho é iluminate e que eles conseguem prever o futuro? Como no episódio da copa do mundo em que Homer é um Juiz de futebol que não aceita suborno e coincidentemente o Brasil perde para Alemanha graças uma contusão do craque destaque do time brasileiro, que para quem não se lembra perdemos o jogo justamente pela falta do famoso Neymar que havia se machucado na partida antes do final? Ou quando eles adivinharam a vitória de Donald Trump. Uma curiosidade, no episódio em que Lisa se declara vegetariana a música tocada nos créditos finais é de Paul McCartney - Maybe I'm Amazed, na versão em questão existe uma música de fundo  - Macca lendo uma receita de sopa, essa canção é tocada de trás para frente e a ultima linha diz a frase: "Ah, a propósito, eu estou vivo.", bem iluminate para mim que sou da época que colocava o disco da Xuxa ao contrário tocando "Ilare Ilare ie" para ouvir vozes do além (Risos). 

Você sabia que cada episódio leva de 6 a 8 meses para ser produzido? eu imaginei que era um tempo longo, é cada um mais elaborado que o outro, e aberturas impressionantes, segundo alguns sites e ao próprio Twitter da série, existe um contrato de exibição com a Fox até 2082 e além disso as temporadas 29ª e 30ª já foram renovadas, Isso significa que teremos novos episódios hoje, novos amanha, novos pra sempre.  




Todos os direitos reservados @2016 - Programação: Algodão Doce Design