[Resenha] All the Rage - T. M. Frazier

Título: All the Rage
Série: King
Autora: T. M. Frazier
Páginas: 304
Editora: Kindle Edition
Lançamento: 2016
Nota: 4/5
Skoob
Eles me chamam de Rage.
Meu nome real é como uma sombra, sempre perto, mas nunca capaz de alcançá-lo.
Eu voo sob o radar porque ninguém suspeita que eu seja capaz do tipo de violência brutal que eu me comprometo todo dia.
Você vê, eu sou uma menina. Eu tenho dezenove anos.
E eu sou uma assassina.
Esta vida é tudo o que sei. É tudo que eu quero saber. Ela mantém as merdas enterradas que eu preciso manter enterradas. Ela me permite viver sem pensar muito.
Sem reviver o passado.
Até ele.
Tudo muda quando um garoto comum se torna o meu próximo alvo.
E o meu primeiro amor.
Eu tenho que escolher.
A única vida que eu já conheci tem que morrer, ou ele.
De qualquer forma, eu vou ser a única puxar o gatilho...
"Porque na minha história, se você ama alguém o suficiente, você deve primeiro soltar a arma."

Depois de ler os livros da série, é impossível não se ver envolvida e queendo saber mais sobre essa personagem um tanto curiosa que deixa até mesmo os mais bravos homens com um pé atrás.

Afinal, que poderia imaginar que uma menina com aparência inofensiva e que sempre está vetida com rosa, poderia ser uma pequena incendiária e psicopata? Desde pequena Rage era diferente das outras pessoas, e era comum para ela os passeios à vários psiquiatras que sempe falavam a mesma coisa, que ela não sentia nada, não tinha empatia pelas pessoas. Mas Rage senti algo uma grande vontade de matar, e isso ela só compartilhou com Cody, seu melhor e único amigo, eles então decidem fazer uma lista de coisas para Rage, para que ela possa tentar ser mais 'normal', mas não é possível mudarmos quem somos, não totalmente e essa lista não dá muito certo.

Rage então resolve fugir com Smoke, um motoqueiro que ela conheceu e foi a pessoa que lhe ensinou a atirar, que entendeu que ela era diferente das oitras pessoas. Smoke passa a ser o mentor de Rage nos próximos três anos e também um de seus clientes quando precisava que algo fosse feito.

Em um dos trabalhos a serem feitos para Smoke, Rage acaba conhecendo Nolan, para ela, ele é apenas mais um alvo, ou ao menos assim ela pensava até que as coisas mudaram bastante. Rage começa a sentir coisas que ela nunca havia sentido antes, vemos que os dois guardam segredos e quando eles vêem a tona, as coisas tendem a mudar bastante e o inferno vai ser pequeno para tudo o que vai acontecer.

O livro é ótimo, assim como todos os outros da série, mas por ser uma personagem que me intrigava bastante, achei que o livro deixou um pouco a desejar... Não que a história seja ruim, pelo contrário, ela é ótima, só podia ter sido melhor explorada.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os direitos reservados @2016 - Programação: Algodão Doce Design