[Resenha] Encontrada - Carina Rissi

Título: Encontrada
Série: Perdida
Autor: Carina Rissi
Páginas: 476
Editora: Verus
Lançamento: 2015
Nota: 5/5
Skoob
Sofia está de volta ao século dezenove e mais que animada para começar a viver o seu final feliz ao lado de Ian Clarke.
No entanto, em meio à loucura dos preparativos para o casamento, ela percebe que se tornar a sra. Clarke não vai ser tão simples quanto imaginava. As confusões encontram a garota antes mesmo de ela chegar ao altar - e uma tia intrometida que quer atrapalhar o relacionamento é apenas uma delas. Além disso, coisas estranhas estão acontecendo na vila. Ian parece estar enfrentando alguns problemas que prefere não dividir com a noiva.
Decidida, Sofia fará o que estiver ao seu alcance para ajudar o homem que ama. Ela não está disposta a permitir que nada nem ninguém atrapalhe seu futuro. Porém suas ações podem pôr tudo a perder, e Sofia descobre que a única pessoa capaz de destruir seu felizes para sempre é ela própria.
"Uma parte de mim sabia que ela tinha razão, e eu até podia entender Ian, desde que ele não comprasse a vila toda para mim, como vinha fazendo nas últimas semanas."

Logo que Sofia votla para o século XIX já podemos perceber que termos muitas confusões, afinal, é difícil se aostumar a costumes completamente diferentes dos seus, e até mesmo a mudar sua forma de pensar, já que Sofia deixa de ser uma mulher totalmente independente e precisa aceitar ser sustentada pelo marido, para assim não envergonhar a família Clarke.

Como sempre, Sofia ainda encontra dificuldades para se adaptar, mas não deixa de lado a essência de quem ela é, e com isso consegue salvar a vida de muitas pessoas, já que ela vivia muito a frente de seu tempo e tem um conhecimento que a maioria das pessoas ali não possuem..

Até que ponto é possível deixar que as outras pessoas interfiram na vida do mais novo casal? Como fazer os mais velhos perceberem que só porque você não é extamente igual as outras mulheres daquele tempo, isso não querm dizer que você seja uma pessoa ruim, ou que não se importe, o fato é que o diferente pode muito bem despertar muito mais interesse.







O final foi outro ponto surpreendente, afinal, quem poderia  imaginar que aquelas cartas finalmente chegariam nas mãos de seu destinatário duzentos anos depois de serem escritas? E que de fato Sofia precisava estar no século XIX caso contrário não seria só ela quem não teria o seu felizes para sempre?


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os direitos reservados @2016 - Programação: Algodão Doce Design