[Resenha] Perdida - Carina Rissi

Título: Perdida
Série: Perdida
Autora: Carina Rissi
Páginas: 364
Editora: Verus
Lançamento: 2013
Nota: 5/5
Skoob
Sofia vive em uma metrópole e está acostumada com a modernidade e as facilidades que ela traz.
Ela é independente e tem pavor à mera menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são aqueles que os livros proporcionam. Após comprar um celular novo, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século dezenove, sem ter ideia de como voltar para casa – ou se isso sequer é possível.
Enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de retornar ao tempo presente, ela é acolhida pela família Clarke.
Com a ajuda do prestativo – e lindo – Ian Clarke, Sofia embarca numa busca frenética e acaba encontrando pistas que talvez possam ajudá-la a resolver esse mistério e voltar para sua tão amada vida moderna.
O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos...
“Perdida” é uma história apaixonante com um ritmo intenso, que vai fazer você devorar até a última página.
"Não me afastei quando sua outra mão enlaçou minha cintura, me puxando para mais perto,
nem tentei impedi-lo quando seu rosto se aproximou do meu com a clara intenção de me
beijar."

O que dizer de um livro que nos mostra como muitas vezes podemos nos deixar levar pelas facilidades da vida moderna e passamos a deixar de lado coisas importantes que eram muito valorizadas antes?

O livro começa nos apresentando Sofia, uma típica garota do século XXI que está completamente acostumada com suas modernidades e não consegue se imaginar em uma vida sem computadores, celulares, microondas e até mesmo um simples banheiro com água encanada.

E do outro lado da história conhecemos Ian, um homem típico do século XIX, sem nada de modernidades, mas que viaja a cavalo, carruagens, frequenta óperas, é o senhor de uma casa, procura uma esposa e zela pela reputação de sua irmã, Elisa.

O que os dois tem em comum? Eles se encontram, isso mesmo, a garota do século XXI tropeça em uma pedra e se vê caindo no século XIX.

Sofia não acredita no amor, ou que possa viver com uma pessoa pelo resto da sua vida, para ela essas coisas só acontecem nos livros de romance de Jane Austen - autora que ela ama -, aos poucos Sofia tenta se adaptar ao século XIX para não causar problemas aos Clark já que eles resolveram ajudá-la, afinal a sociedade é muito mais consevadora do que ela está acostumada.

Esse é o clássico livro de romance que faz você suspirar e morrer de amores pelos personagens e mesmo desejando que eles consigam o que querem - no caso de Sofia voltar para o século XXI - é impossível não torcer para que as coisas se acertem para eles e ela veja que a felicidade dela está ali, dois séculos antes dela ter nascido.

O romance do livro é algo fofo e a leitura acontece de forma tão natural, a escrita da Carina vai de uma forma tão fluida e descontraída, que é fácil se apaixonar pela história e devorar as páginas sem nem perceber.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os direitos reservados @2016 - Programação: Algodão Doce Design