[Resenha] Harry Potter e a Ordem da Fênix - J. K. Rowling

Título: Harry Potter e a Ordem da Fênix
Série: Harry Potter
Autora: J. K. Rowling
Páginas: 704
Editora: Rocco
Lançamento: 2003
Nota: 4/5
Skoob
Harry Potter vai começar seu quinto ano na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts.
Está desesperado para retornar à escola e descobrir por que seus melhores amigos, Rony e Hermione, andaram tão misteriosos durante as férias.
Porém, o que o jovem bruxo está prestes a descobrir nesse novo ano em Hogwarts vai provocar uma grande reviravolta em seu mundo.
"Quando isso acabar seremos uma família outra vez."

Nesse livro vemos um protagonista que mudou bastante desde o primeiro livro, ele continua morando com os tios que continuam com as mesmas ordens - para que ele não se envolva em encrencas - e Harry está tendo o seu pior verão e sem nenhuma notícia de seus melhores amigos, o que não melhora quando ele descobre que eles passaram as férias juntos com a Ordem da Fênix enquanto ele ficava na casa dos tios prestes a explodir.

Vemos um protagonista que mantém essa característica explosiva ao longo de muitas páginas e com personagens diferentes, o que faz com que o protagonista esteja bastante insuortável.

Entendemos um pouco o propósito da Ordem da Fênix e que essa não é a primeira vez que um grupo de bruxos se reúne, vemos que os pais de Harry participaram quando eram mais novos, entendemos um pouco mais o papel de Snape dentro da ordem, mesmo que isso gere mutias dúvidas.

No decorrer do livro vemos que Harry poderia ter crescido de uma forma muito mais rápida se todos falassem de forma aberta com ele - e ele também - mas que isso acaba sendo uma oportunidade para que as coisas dêem um pouco errado, o que vem a causar uma das mortes mais tristes de toda a trama arrancando lágrimas e muitas vezes a esperança de um final feliz para o jovem bruxo.

Somos apresentados a nova professora de Defesa Contra as Artes das Trevas, Dolores Umbridge, e vemos que todos os professores que já tivemos e que pensamos que eram ruins, bom eles acabaram se msotrando verdadeiros anjos perto dessa personagem. Ela é o tipo de personagem que desde a sua primeira aparição no livro tudo o que você deseja é que ela desapareça, já que as atitudes dela na maioria das vezes não se mostram justificadas, muito pelo contrário, aprece que é pelo simples prazer de ser odiada pelos alunos.

Talvez esse seja o livro mais chato da série, onde a história simplesmente se arrasta pelas páginas, sem de fato prenderem o leitor ao que está acontecendo, mas que muitas vezes continuam a leitura por serem fãs da série.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os direitos reservados @2016 - Programação: Algodão Doce Design