[Resenha] Sangue de Princesa - Mayrluci M. Kappes

Título: Sangue de Princesa
Série: Reinados
Autora: Mayrluci M. Kappes
Páginas: 297
Editora: Pandorga
Lançamento: 2015
Nota: 4/5
Skoob
Após um convite inesperado do rei a vida de Aurora Avin passa de pacata e desinteressante para uma vida cheia de romances, aventuras e mistérios a serem resolvidos…
Tudo o que era antes simples para Aurora se torna complicado. Sua amizade com o comandante Cassian se torna um pequeno desastre amoroso e sua paixão pelo príncipe Matthew se torna insuportável de evitar.
Três corações envolvidos um deles terá de se quebrar?
"Levantei a mão até minha boca, estava chocada com os gritos e lamentações do prisioneiro, que estava tão desesperado por perdão."

O livro pode ser um pouco confuso para quem já está acostumado a ler histórias de princesas e tudo mais, afinal, nesse a criadagem é dividida por setores - setor de enfermaria, setor de limpeza, setor de costura, setor de alimentação real, setor de limpeza dos lustres, setor de organização e limpeza do palácio - entre outros que não são mencionados, mas que devem existir.

É fácil perceber desde o início o triângulo amoroso Cassian/Aurora/Matthew. Pra ser bem sincera eu achei bem forçada a relação Aurora/Matthew, não acho que existiu química entre os personagens, até porque o príncipe teve aquela paixão a primeira vista por ela, enquanto pensava que ela era uma princesa e tudo mais. Já Cassian é aquele garoto que a conhece desde sempre, que - ao menos aparentemente - gosta dela por quem ela é, independente de sua aparência e que está disposto a fazer coisas que deixariam Aurora com raiva, mas que seriam para o próprio bem dela. Enquanto isso Aurora está dividida, afinal, Matthew além de ser o príncipe é lindo, e qualquer criada do castelo se sentiria o máximo ao ver que despertou o interesse da realeza, enquanto isso Cassian sempre esteve ali ao lado dela, mas é aquele amigo por quem parece que ela nunca sentiu algo a mais, ou pelo menos não havia percebido isso até o momento em que reparou que outras garotas tinham interesse por ele.

Em muitos momentos tive vontade de entrar no livro pra dar umas boas surras em Aurora, afinal, como ela pode ser tão sonsa?! Cassian se mostrou - várias vezes - bem melhor do que o príncipe, e sejamos sinceros, não tinha motivo para ficar insistindo nessa coisas de "não sei com quem quero ficar".

O livro terminou com um acontecimento inesperado que serviu para deixar aquele gostinho de quero mais no ar e os leitores querendo uma continuação logo, afinal, não dava para imaginar o que aconteceu nos últimos capítulos.

O livro se mostrou um pouco confuso, já que em nenhum momento é mencionado em que época tudo está acontecendo, nem o porque de muitas coisas. A autora nos deixa sem saber o motivo de muitas coisas, como: Porque Aurora recebeu uma chave de alguém da realeza em testamento? O que essa chava abre? Quem era essa pessoa? Qual o motivo de deixar algo para uma criada? A autora focou tanto no triângulo amoroso que parece ter se esquecido de outros pontos criados no início da trama, o que nos leva a ter esperança de que ela retome isso nos próximos livros.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os direitos reservados @2016 - Programação: Algodão Doce Design